Posts tagged algoritmo

O Algoritmo Teló

3

Um amigo pediu para fazer… achei que alguem poderia se interessar. Então lá vai:

Algoritmo Teló

Algoritmo Teló

 

Veja como fica a saída do programa:

 

nossa, nossa
assim voce me mata
ai, se eu te pego
ai, ai, se eu te pego

delicia, delicia
assim voce me mata
ai, se eu te pego
ai, ai, se eu te pego

sabado na balada
a galera comecou a dancar
e passou a menina mais linda
tomei coragem e comecei a falar

1001 noites

0

Achei isso aqui.

“Selecionados, editados e testados pelos próprios leitores” – sim, isso mesmo! Este é um projeto real, e vocês me ajudarão a finalizá-lo! Vamos reunir 1001 implementações de algoritmos em um livro (impresso?) que servirá principalmente de aprendizado para quem colaborar e guia/referência para jovens aspirantes a programadores. Do Bozosort ao crivo de Eratóstenes, teremos de tudo!

Se você quiser colaborar, pode enviar o código do algoritmo por e-mail, pastebin ou, se quiser começar a usar o GitHub, submeter patches para o repositório que criei. Os códigos devem estar de acordo com os requisitos abaixo:

  1. Siga este modelo de arquivo: https://github.com/karlisson/1001/blob/master/modelo.txt
  2. Dê preferência a linguagens de alto nível como Java, Python, C, C++, Ruby ou Javascript.
  3. O algoritmo deve ser abrangente e multi-plataforma, ou seja, coisas específicas demais como “código para ligar o led da placa XPTO” não serão aceitas. A ideia é reunir soluções para problemas que podem ser implementados em qualquer linguagem. Exemplo: desafios de programação.
  4. O código não pode depender de bibliotecas extras que precisam ser instaladas.
  5. O código deve conter testes ou exemplos de uso para que possa ser avaliado rapidamente, e não pode ser muito extenso (i.e. verboso).
  6. O patch deve consistir em apenas um arquivo, cujo nome deve seguir o formato nome-algoritmo.ext, onde  ‘nome-algoritmo’ é o nome abreviado, minúsculo e sem espaços ou acentos, e ‘ext’ a extensão, obviamente.

Por enquanto a dica é: se você não tem conta no Github, crie uma agora e aprenda a usar o git. Eu ainda estou aprendendo. Mas a primeira coisa que você pode fazer é baixar o repósitório para sua máquina, através do comando abaixo:

git clone git://github.com/karlisson/1001.git

Enfim, aguardem novidades. Desde já agradeço pelas contribuições. As palavras finais são de Humberto Diógenes: se o projeto não der certo, então serão apenas 9 algoritmos (em binário, 1001).

Go to Top